10 erros ao escovar os dentes

Escovamos os nossos dentes várias vezes por dia. Com escovas normais ou elétricas, esta é uma tarefa que repetimos de forma já inconsciente, mas será que a estamos a fazer corretamente? Leia para descobrir.

1. Não escovar o tempo suficiente

Este é um erro clássico. Recomendamos que escove os dentes por 2 minutos, duas vezes ao dia. Isto é, 2 minutos antes de ir para a cama e pelo menos uma outra vez durante o dia. De acordo com a Academy of General Dentistry, em média, uma pessoa escova os dentes 45 a 70 segundos por dia, ou seja, 23 a 35 segundos se escovar duas vezes por dia, o que é menos da metade do tempo recomendado. 2. Não enxaguar a boca depois de escovar

Enxaguar a boca depois de escovar é fundamental para garantir que os resíduos de comida saem da boca. Pode fazê-lo com um elixir, reforçando o flúor que permanece em contacto com os dentes, mas bochechar com água é suficiente.


3. Usar a pasta de dentes errada

Embora não haja uma pasta dentária indicada para cada pessoa no mundo, certifique-se de verificar se a que usa contém flúor. O flúor é fundamental para ajudar a prevenir a cáries dentárias. Caso tenha dúvidas, ao ler o rótulo de cada embalagem poderá ser elucidado.


4. Escovar na hora errada

Um estudo da British Dental Health Foundation descobriu que 28% das pessoas admitiram não escovar os dentes uma única vez a cada 24 horas e 1 em 7 pessoas disse que às vezes ficava mais de dois dias sem escovar os dentes. A limpeza noturna é a mais importante, para que você possa remover os depósitos que se acumularam ao comer e beber durante o dia, bem como remover as bactérias que são a causa das cáries e doenças gengivais.


5. Escovar com muita força

Usar a técnica errada ao escovar, combinada com uma mão pesada, pode causar desgaste nos dentes e potencialmente levar ao recuo das gengivas. Lembre-se que escovar com mais força não deixará seus dentes mais limpos.


6. Usar a escova de dentes errada

Manual versus elétrica? O debate irá continuar. Seja elétrica ou manual, tome cuidado ao escolher as suas cerdas. Eles devem ser macias ou médias em vez de duras.


7. Usar uma escova de dentes velha

A sua escova de dentes não será tão eficaz quanto deveria se as cerdas estiverem gastas. Troque a escova de dentes ou a cabeça da escova por escovas manuais a cada 3 meses.


8. Passar fio dental apenas na frente dos dentes

Algumas pessoas usam fio dental apenas nos dentes que podem alcançar, em vez de passarem entre todos os dentes. O uso do fio dental não consiste apenas em remover alimentos, vai muito para além disso.


9. Não usar escovas interdentais

Sempre que possível, recomendamos o uso de uma escova interdental junto com o fio dental. Embora o fio dental possa alcançar entre as gengivas, se usado corretamente, ainda vai precisar de uma escova interdental para limpar as laterais dos dentes, que é um ponto em que a escova e o fio dental podem estar a não alcançar.


10. Substituir o fio dental por escovagem ou por elixir bucal

Uma cabeça de escova de dentes com “ação de fio dental” não substitui o uso do fio dental e o elixir bucal não remove a placa bacteriana.